Localização da ICMV

Localização da ICMV

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Culto da Vitória de 08-10-10



É tempo de colocar a confiança em Deus e não no próprio coração

O ministrante da noite, o bispo Roberto Marques, iniciou a preleção afirmando que somos o que declaramos e que, se somos vencedores, se sabemos disso, também precisamos declarar, disse abrindo com a Igreja o texto de Jeremias 17: 5-11:
5 Assim diz o SENHOR: Maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta o seu coração do SENHOR!
6 Porque será como a tamargueira no deserto, e não verá quando vem o bem; antes morará nos lugares secos do deserto, na terra salgada e inabitável.
7 Bendito o homem que confia no SENHOR, e cuja confiança é o SENHOR.
8 Porque será como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro, e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e no ano de sequidão não se afadiga, nem deixa de dar fruto.
9 Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá?
10 Eu, o SENHOR, esquadrinho o coração e provo os rins; e isto para dar a cada um segundo os seus caminhos e segundo o fruto das suas ações.
11 Como a perdiz, que choca ovos que não pós, assim é aquele que ajunta riquezas, mas não retamente; no meio de seus dias as deixará, e no seu fim será um insensato.

A primeira parte é uma afirmação de Deus e ela se refere ao homem. E Deus quer dizer que maldito é o homem que confia em si mesmo, que se afasta de Deus e Dele se aparta. O seu destino é ficar só. Aquele que se acha auto suficiente, que pensa que sabe tudo e que não precisa ouvir ninguém, seu destino é ficar solitário. Mas não pode se lamentar depois, como se estivesse sido abandonado. Na verdade foi ele que se isolou. Quando se aparta de Deus, ele se aparta das outras pessoas. Se não há acordo, como andarão dois juntos? Pode observar que pessoas que se acham auto suficientes, que não ouvem os conselhos dos outros, acabam por se isolar porque não encontram entendimento. Mas quem não se acha auto suficiente confia nos outros homens, por que o homem nasceu para viver em grupo. O conceito de Deus é para aqueles que se afastam. Para aquelas pessoas amargas, sempre solitárias e ranhetas que afastam as pessoas e não aceitam ajuda, por não sabem ouvir. Ela perde a capacidade de ver o lado positivo das coisas, só veem o mal. Em geral são pessoas que confiam em si mesmas , em seu próprio julgamento e se afastaram de tudo e de todos e menosprezaram o poder de Deus. Esse é maldito, afirmou o pastor, explicando que escolhemos a bênção ou a maldição com as nossas atitudes. Ninguém pode amaldiçoar você. É você quem escolhe, disse citando o livro de Provérbios: vida e morte, bênção e maldição. Deus fala isso para as pessoas que são auto suficientes aos seus próprios olhos, pois a tendência dessas pessoas é ficar só, porque só veem o mal. Isso é um alerta que Deus nos faz. Você precisa de Deus, assegurou o bispo, insistindo que nós também precisamos uns dos outros e não podemos abrir mão dessa convivência. Quem confia em sua própria capacidade será solitário, mas aquele que confia no Senhor é bendito. O bispo lembrou que assim como está dito nos salmos 1, o profeta fala que o homem que confia no Senhor é como arvore plantada junto ao ribeiro é sempre firme. Uma árvore plantada não nasceu ao acaso, por isso está sempre em crescimento. Ela é cuidada pelo que plantou. Assim é Deus. Aqueles que colocam Nele a sua esperança é cuidado por Ele. Deus planejou toda a sua vida. Ele plantou você e tem cuidado de você, como uma árvore. Quando você lança um galho errado Ele corta, porque sabe que esse galho não é bom para você. ele quer que você cresça saudável, por isso Ele poda o que está em desvio. Ele quer que você cresça para o alto. Nós somos cuidados por Deus, não pela sorte. Aquele que confia em Deus não fica preocupado com as intempéries, porque estende suas raízes para o ribeiro. Quem está plantado junto ao ribeiro não precisa se preocupar se terá recursos para pagar as contas. Quem está em Deus não se preocupa. Ele sempre agradece, porque Deus sempre proverá.
O ministrante lembrou que existimos no presente, mas o diabo nos quer no passado, ou no futuro. Quem está com suas raízes lançadas sobre as águas não se preocupa, ainda que passe por dificuldades. Todos estão sujeitos a passar pela escassez. A diferença é que aquele que está em Deus confia e coloca sua esperança no Senhor, apesar das lutas. Mesmo no tempo de escassez ele frutifica e não deixa de dar os seus frutos na seca. Esse é um conceito que Deus passa a respeito daqueles que confiam Nele.
Outro conceito é sobre o sentimento: enganoso é o coração do homem. Essa história de quem vive em sentimento é enganação. Você não pode ter o seu coração como bússola. Ele não pode ditar os seus caminhos. Seus passos devem ser guiados pela palavra, não pelo seu coração. O coração do homem foi corrompido por um vírus chamado pecado. Nele não se pode confiar, reiterou. Você tem que saber o que a palavra de Deus diz.
Atente para o alerta de Deus: só Deus conhece o coração do homem. Ele sabe de nossas transgressões, de nossos pecados ocultos. Se você pensa que ninguém viu, engana-se: Deus viu, porque esquadrinha os corações. E outro conceito: cuida do que é seu. Cuide de sua vida, ensinou o bispo. Quem choca ovos que não são seus, fica sem eles. É o que acontece com a perdiz que choca os ovos alheios. Cuide do que é seu, não deseje o que é do outro. O que for seu multiplica-se, enquanto o que é do outro vai se embora,a firmou o bispo, agradecendo a Deus por esses conceitos que são preceitos para as nossas vidas.

Um comentário:

Sandro disse...

Graça e paz, sempre!

Passei por aqui para conhecer seu blog.
Estou procurando bons blogs para compartilhar.

Já estou te seguindo.

Ficaria muito feliz se puder me visitar.
Se quiser me seguir também será um prazer para mim.

Abraço em Cristo,

Sandro
http://oreinoemnos.blogspot.com/
Te espero lá.